Mamãe Leitora – O Diário de Anne Frank

 

Um dos maiores incentivos para levar seu filho a amar os livros é ele ver que você também ama ler. Nós somos o maior exemplo deles, não é?!

Por isso vou compartilhar sempre com vocês os livros que eu estou lendo! Acompanhe todas as dicas no nosso espaço “Mamãe Leitora”!

Livro de hoje: O Diário de Anne Frank

Edição definitiva: Otto H. Frank e Mirjam Pressler

Editora: Best Bolso

27 de Janeiro – O Dia Internacional em Memória das vítimas do Holocausto é uma homenagem aos Judeus mortos na Europa durante a Segunda Guerra Mundial.

Anne Frank uma menina judia de 13 anos escreveu seu Diário entre os anos de 1942 e 1944 enquanto ela, sua família e outras pessoas viviam escondidos em cômodos secretos de um prédio comercial. Seu pai, único sobrevivente da família no Holocausto, publicou o Diário de Anne Frank em 1947.

Ganhei o Diário de Anne Frank de presente do marido. Foi uma leitura muita rápida porque a cada página eu ficava impressionada com o que uma garota de 13 anos, que viveu somente até os 15, deixou registrado sobre seus pensamentos.

10941115_695267427239305_331080155489966782_n

Compartilho com vocês algumas frases de Anne Frank!

“Mulheres deveriam ser respeitadas também! Falando de forma genérica, homens são estimados em todas as partes do mundo, então por que as mulheres não podem ter sua quota? Os soldados e heróis de guerra são homenageados e celebrados, os exploradores ganham fama imortal, mártires são reverenciados, mas quantas pessoas olham as mulheres também como guerreiras?”. (Anne Frank)

“Como é maravilhoso que ninguém precise esperar um minuto sequer antes de começar a melhorar o mundo”. (Anne Frank)

“Todo mundo tem um pedaço de boas notícias dentro de si. A boa notícia é que você não sabe quão bom pode ser! Quanto amor pode ter! O que você pode realizar! Quanto potencial tem!”. (Anne Frank)

“É difícil em tempos como estes: ideais, sonhos e esperanças permanecerem dentro de nós, sendo esmagados pela dura realidade. É um milagre eu não ter abandonado todos os meus ideais, eles parecem tão absurdos e impraticáveis. No entanto, eu me apego a eles, porque eu ainda acredito, apesar de tudo, que as pessoas são realmente boas de coração”. (Anne Frank)

“O que é feito não pode ser desfeito, mas podemos prevenir que aconteça novamente”. (Anne Frank)

Vocês gostaram? Leu e curtiu um livro e quer indicar para todas as mamães? Então deixa aqui nos comentários! Eu vou amar saber o que vocês estão lendo pro aí!

Anúncios

2 comentários

  1. Me esforço ao máximo para sempre ler, por que o cansaço é muito grande. Mesmo ele sendo bebê ainda (11 meses ) preciso me adaptar a rotina de leituras para que ele busque tbm, nós como pais somos espelhos e quero muito q ele se espelhe nisso tbm. No momento estou lendo Pais e Educadores de Alta Performance de Içami Tiba. Estou gostando muito. Bjos e Parabéns pelo blog, serei visitante assídua. 🙂

    Curtir

    • Lili obrigada pela visita!! Tem dias que estamos mesmo taaoo cansadas que é difícil! Mas é a pratica que nos ajuda a criar o hábito! Amei o título do livro que você está lendo vou já anotar na minha wishlist!! Fico feliz que tenha gostado do blog!! Obrigada! Bjs

      Curtir

Comente aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s